Roupas para trabalhar: 6 dicas para arrasar no office look

As roupas para trabalhar não precisam ser apagadas e “sem vida” para que estejam adequadas ao ambiente profissional. Mas também não quer dizer que está tudo liberado. Decotes mais ousados, roupas curtas e transparências ficam para outra ocasião.

Ficou meio confusa? Não precisa, pois o post de hoje vai indicar o que pega bem e o que deve ser evitado no escritório. Acompanhe as dicas:

1. Invista no básico

Para evitar fazer feio, comece com os looks mais básicos, como uma camisa de cor (branca, preto, azul claro, cinza, entre outros tons mais neutros) sem muito detalhes. Se o ambiente tiver um ar-condicionado forte, o ideal é uma camisa de manga ¾ ou uma jaquetinha.

Para a parte de baixo, opte por saias com caimento no joelho, jeans ou calça social. Como acessórios, dê preferência aos mais discretos, a exemplo de lenço com estampas neutras, corrente com pedras pequenas ou relógio de pulso fino.

2. Dê preferência aos looks clássicos

Além do básico, o clássico também pode ser usado, contudo exige um pouco mais de discernimento na escolha. Entre as peças consideradas clássicas, estão: calça de alfaiataria com corte bem definido, blazer acinturado, terninho, vestido preto com caimento acima do joelho e um bom scarpin de tons escuros e salto médio/baixo.

3. Evite estampas muito chamativas

Se quiser inovar um pouco, dê preferências por camisas de tons diferentes dos listados acima como turquesa, vinho, azul royal, por exemplo. Saia na altura do joelho com corte mais reto (tipo lápis) são ideais para ambientes mais formais.

4. Use transparências com responsabilidade

As transparências podem até serem usadas, desde que sem exageros. Pode ser uma blusinha com parte das mangas transparentes ou uma com mais detalhes transparentes, mas use sempre uma regata por baixo.

Como esse look passa a ideia de leveza, o ideal é combinar com calça de tecido mais leve para proporcionar mais mobilidade.

5. Tenha cuidado com as peças justas e outros exageros

Escolha roupas para trabalhar com caimento adequado, nem largas nem justas demais. Elas valorizam o corpo, favorecem a silhueta e não chama muita a atenção para as curvas. Evite também decotes muito grandes, joias e outros acessórios muito chamativos.

Mesmo em festas do trabalho, que exigem menos formalidade, evite looks muito chamativos, pois pode refletir na seriedade dentro da empresa. Guarde os modelitos mais ousados para a nigth.

6. Atenção na escolha dos sapatos

Os sapatos para o ambiente de trabalho também precisam de atenção. A primeira dica é a de buscar a discrição com modelos coringa. É o scarpin preto de salto médio, o mocassim marrom sem muitos detalhes, a sapatilha estampada, os slippers de tons claros, entre outros modelos, que ficam bem com mais de um look.

Quer inovar um pouco? Scarpins com salto um pouco mais alto também pode quando associado a um look mais formal. Além dele, você pode investir nos mocassins com detalhes como fivelas, rasteirinhas (se o ambiente permitir) ou uma unkle boot de camurça.

Como você vai passar boa parte do dia em cima deles, é importante que os calçados sejam confortáveis. Essa é talvez a principal dica, afinal, isso pode até não refletir nas roupas para trabalhar, mas, certamente, vai na sua saúde.

Gostou do que leu? Aproveite e nos siga no Facebook e no Twitter para ficar antenada sobre as últimas tendências de looks e sapatos.

Facebook Comments
Powered by Rock Convert